22 de fevereiro, 2019

Notícias

Home » Economia » Pressionada por alimentos, inflação tem alta de 0,32% em janeiro

Pressionada por alimentos, inflação tem alta de 0,32% em janeiro

No primeiro mês de 2019, os preços subiram no Brasil. De acordo com os números do Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), compilados pelo IBGE, a inflação acelerou para 0,32% em janeiro, na comparação com dezembro do ano passado, quando ficou em 0,15%. No acumulado em 12 meses, a inflação acumula alta de 3,78%.

Os especialistas já esperavam uma alta do IPCA mensal, entretanto, mais acentuada. A mediana dos especialistas consultados pela Bloomberg projetava uma inflação de 0,37% em outubro.

O que contribuiu para a aceleração da inflação em janeiro foi o grupo de alimentos e bebidas, que equivalem a cerca de um quarto das despesas da família. As altas mais significativas deste grupo foram o feijão carioca (19,76%), cebola (10,21%), frutas (5,45%) e carnes (0,78%).

Despesas pessoais foi o grupo que exerceu a segunda maior pressão no aumento dos preços de janeiro, com alta de 0,61%.

A única queda nos preços aconteceu no grupo vestuário, que caiu 1,15%, e ajudou a conter a inflação de janeiro. A redução foi generalizada, com quedas de 2% em roupas femininas, 1,06% no vestuário infantil e 0,99% nas roupas masculinas.

O mais recente Boletim Focus, divulgado pelo Banco Central (BC) na última segunda-feira, aponta uma taxa de inflação em 3,94% para o acumulado do ano de 2019 (de janeiro a dezembro), abaixo do centro da meta estipulada pelo governo para este ano: 4,25%.

 

Fonte: O Globo – Rio de Janeiro

Comentários