17 de junho, 2021

Notícias

Home » Geral » Dia das Mães: elas preferem itens para usar no isolamento

Dia das Mães: elas preferem itens para usar no isolamento

Desde o início da pandemia é sabido que as relações humanas e suas formas de consumo mudaram radicalmente. Por conta disso, o levantamento realizado pela Compre&Confie, empresa de inteligência de mercado focada em e-commerce, aponta que 14,4 milhões de compras foram realizadas no período do Dia das Mães de 2020, representando um aumento de 123% na comparação com 2019.

Por isso, diante de praticamente o mesmo cenário anterior, onde ainda prevalece o isolamento social, a expectativa de venda para este ano deve seguir o mesmo caminho. De acordo com a pesquisa do Google, 36% dos brasileiros mudaram somente a categoria de presente que estão habituados a dar nesta data, enquanto 27% optaram por escolhas mais fáceis de se comprar online, 25% dos consumidores optaram por itens que auxiliem no isolamento social. Além desses dados, 20% dos compradores preferem presentes que não tenham a necessidade de troca; 18% preferem os mais baratos e 10% vão escolher produtos que possam ser comprados em lojas físicas.

“Pelo segundo ano, vamos atravessar essa data, uma das mais importante para o varejo, com as restrições de isolamento, e mesmo assim, pretendemos superar as vendas do ano passado”,  antecipa João Appolinário, presidente e fundador da Polishop, que no Dia das Mães do ano passado viu suas vendas superarem as expectativas com o aumento de 30%. “Com a pandemia, ficou nítida a mudança no comportamento dos consumidores. Hoje, os produtos que ajudam a limpar a casa mais rápido e panelas que cozinham com um só clique se tornaram essenciais, diantes das inúmeras atividades que as famílias têm de cumprir dentro de casa”, completa.

O Mercado Livre também aposta nesta mesma linha. “No ano de 2020 os consumidores adotaram o e-commerce como um dos principais canais de compra para o Dia das Mães e para 2021 as perspectivas são ainda mais otimistas, já que enxergamos um amadurecimento digital do consumidor”, comenta o vice-presidente sênior do Mercado Livre, Fernando Yunes.

De acordo com o estudo realizado pelo Mercado Ads – unidade de negócios do Mercado Livre dedicada à publicidade – em 2020, o número de pedidos para o Dia das Mães cresceu 72% comparado ao ano anterior. Além disso, o levantamento revela um incremento de 80% na quantidade dos pedidos, na semana do Dia das Mães, se comparada às semanas regulares. Neste contexto, até encontrar o presente ideal, os compradores costumam visitar mais de 90 anúncios. Entre as categorias mais buscadas para a comemoração estão: os equipamentos domiciliares, beleza, moda, bebê e tecnologia.

Alguns dos itens que ganharam destaque no período foram: os smartwatches (+81%), eletroportáteis (+81%), celulares (+79%), maquiagens (+70%), itens de cuidado para os cabelos (+63%), entre outros.

 

https://www.supervarejo.com.br/materias/dia-das-maes-dados-apontam-crescimento-de-vendas-no-periodo

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Abrir chat
Precisa de ajuda?
Olá! Tudo bem?
Como podemos te ajudar?