29 de janeiro, 2022

Notícias

Home » SincovagaNotícias » Nova parceria do Sincovaga garante atendimento personalizado para a contratação de seguros

Nova parceria do Sincovaga garante atendimento personalizado para a contratação de seguros

“Brasileiro só põe tranca na porta depois de ser roubado”. O ditado popular, infelizmente, ainda é verdadeiro. Na cultura do país, a prevenção não é ainda um hábito, e o cidadão comum geralmente vê qualquer tipo de seguro como custo desnecessário e até supérfluo, e não como investimento. Mas, quando o que está em jogo é o próprio negócio, não dá para tapar os olhos e apostar que nada vai acontecer.

Os riscos são muitos e altos, mas a tomada de consciência nem sempre é imediata. “Em geral, só quando alguém se depara com a morte de um parente ou de vizinho que não tinha seguro é que percebe a importância de contratar um para si e para a família”, revela Maurício Dias de Andrade, sócio-diretor da Andrade & Rolim Corretora de Seguros, que diz entender a dificuldade de o cliente perceber as nuances das propostas de seguro. “São muitos detalhes mesmo”, admite.

Pensando nessa dificuldade de perceber os riscos e de escolher a melhor solução, o Sincovaga acaba de estabelecer uma parceria com a Andrade & Rolim. O objetivo é incentivar as empresas a segurarem suas operações e trabalharem mais tranquilas. Para isso, buscou uma empresa que sabe entender as necessidades do setor e trabalha firmemente para oferecer a opção ideal.

“O setor de seguros é muito dinâmico. Cada seguradora tem seu jeito de trabalhar e uma gama de produtos que varia muito. Por isso, nossa conduta é buscar o que o cliente precisa”, afirma Andrade.

Segundo ele, nem sempre o cliente chega com uma visão clara de que o seguro deve ser encarado como uma despesa operacional, tal qual as de água ou luz. “A gente tenta explicar o quanto o seguro é importante para proteger o patrimônio”, diz.

 

Menos danos, menos prejuízos

A consultoria bem-feita pode ajudar a entender que coberturas oferecidas pelas seguradoras são mais adequadas ao setor varejista de alimentos. “Quem nunca perdeu dinheiro porque o estoque de perecíveis, como carnes e laticínios, estragou por falta de energia elétrica?”, questiona.

Andrade explica que todo o esforço de uma seguradora é reduzir ao máximo danos como este para que ela mesma não fique no prejuízo.

Nesse sentido, se estiver cobrindo uma apólice de riscos operacionais, pode chegar a alugar um gerador de energia para cobrir a falta de luz e garantir a refrigeração das carnes. A seguradora poderia cobrir o supermercado também em caso de alguma paralização no checkout. Depois, ela mesma pede ressarcimento diretamente à distribuidora de energia.

“Para a seguradora, é um custo que vale pagar. Para ela, é a mesma lógica do guincho em um seguro de carro. Impossível contratar um mais barato sem esse item, porque o guincho garante uma proteção adicional contra sinistralidade. Afinal, todo carro que quebra e não é removido pode ser vandalizado ou furtado”, justifica o especialista.

O corretor alerta para a grande importância de analisar todas as informações de uma apólice, mesmo daquelas que estão vigentes. “Um cliente tinha um seguro de um estacionamento no litoral de São Paulo cujo endereço de cobertura do sinistro era a sede da empresa em Jundiaí. Se acontecesse algo no estabelecimento dele, a seguradora não iria pagar. O local de risco não é o mesmo do CNPJ da matriz”, conta.

Ele explica que uma boa consultoria precisa ficar atenta a esses detalhes e ter acesso a ferramentas relevantes, como a de geolocalização. “Temos um banco de dados que permite obter a distância entre o local a ser cotado e o batalhão do Corpo de Bombeiros. Quanto mais perto estiverem esses dois pontos, mais barato será o custo do seguro contra incêndio. Não faz sentido ter um preço único sem levar em conta esses detalhes”, revela.

No caso de o supermercado ter uma apólice vigente, uma consultoria de Andrade avalia as cláusulas que estão ou não incluídas no seguro contratado. O objetivo é ter certeza de que elas estão totalmente adequadas às necessidades do cliente.

Assim, cláusulas mal interpretadas, preenchidas de forma errada ou com informações incompletas podem ser detectadas e corrigidas antes de ocorrerem os sinistros. “Às vezes, dá para ‘consertar’ uma apólice. Chamamos isso de endosso”, explica Andrade. Segundo ele, a mudança pode aumentar ou até diminuir o preço da apólice, dependendo da alteração necessária. “Em alguns seguros, quando o segurado contrata mais coberturas, tem desconto e ela fica mais barata”, justifica.

“A consultoria que define o produto perfeito para cada cliente é um diferencial nosso. Procuramos trabalhar do modo mais correto possível. Temos uma responsabilidade muito grande. Nosso foco não é bater meta”, completa.

 

O barato que sai caro

Uma opção certeira para o supermercadista é o seguro compreensivo empresarial, cuja caraterística é ser multirriscos na cobertura patrimonial. Nele, podem-se incluir coberturas contra incêndio; queda de raio; explosão de gás; perdas de estoque; seguros patrimoniais e de responsabilidades, como, por exemplo, alagamento e inundação, danos elétricos, proteção contra roubo de equipamentos e valores, lucros cessantes, pagamento de aluguel, recomposição de documentos, fidelidade de funcionários, responsabilidade civil e outras.

A procura por esta modalidade teve, inclusive, alta de 16,9% na comparação acumulada de janeiro a agosto de 2020 ante o mesmo período de 2021, segundo dados da Susep.

“O mais importante é garantir que a escolha feita cubra todas as necessidades da empresa. O seguro incompleto mais barato é bobagem. Este, sim, é que acaba ficando bem caro quando não cobre exatamente o sinistro que aconteceu”, afirma o especialista.

De acordo com Andrade, a consultoria pode ainda estudar junto com a empresa condições especiais de contratação coletivas de seguros de vida, de veículos ou até de previdência. “Quando demandados em grupo (por adesão), esses produtos oferecem descontos atraentes e podem ser incorporados como mais um benefício oferecido aos colaboradores”, completa.

Acesse o site Andrade & Rolim e saiba mais: www.andradeerolim.com.br

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Abrir chat
Precisa de ajuda?
Olá! Tudo bem?
Como podemos te ajudar?